Instagram

02 abril 2016

Eles usam cueca de renda

A marca Manstore tem a cueca de renda masculina. Foto: Divulgação (Foto: A marca Manstore tem a cueca de renda masculina. Foto: Divulgação)
Mais do que uma tendência, uma completa ruptura com os padrões machistas:  na capital da moda e do estilo, a cueca de renda já chegou há algum tempo ao guarda-roupa masculino. Os cortes não foram alterados. Os tradicionais modelos slip, boxer e até os charmosos samba-canção continuam a postos, apenas ganharam enfeites e detalhes normalmente vistos em roupas de baixo femininas.
A diferença por aqui é justamente a novidade ter caído no gosto dos homens parisienses, naturalmente ligados em moda e beleza. Para quem, como eu, vem de um lugar onde nos acostumamos a ver os meninos negarem a vaidade para afirmar a masculinidade, chama atenção ver o amigo - que não é gay e tampouco faz o tipo moderno  - escolhendo uma bela cueca de renda de algodão cinza, no solde da sacrossanta Galeria Lafayette.
Depois disso, resolvi partir para a enquete e ouvir as mulheres que tiveram a sorte de serem surpreendidas com as peças irreverentes, no momento mais íntimo do dia.

Cueca de renda: tendência que rompe padrões machistas. Divulgação (Foto: Cueca de renda: tendência que rompe padrões machistas. Divulgação)
As francesas fazem aquela cara de naturalidade e dizem "dependendo do modelo, acho bem bonito". Já as brasileiras são mais empolgadas. Uma delas descreveu de forma certeira: "vendo um homem vestindo uma cueca de renda, compreendi melhor o fetiche daqueles que adoram nos ver em uma lingerie sexy".
No Brasil, uma confecção de Belo Horizonte lançou recentemente seus modelos de cueca de renda. Mas diferentemente dos modelos franceses, os da grife mineira são inspirados no corte das calcinhas femininas.
Será que a moda pega no Brasil?